17-08-terceirona
A equipe que subiu na penúltima rodada; depois, viria o título no Uberabão
 
O último título do Uberaba Sport foi na chamada Terceirona do Mineiro de 2015. Rebaixado no Módulo II de 2013, o USC conseguiu sair do último nível do futebol estadual dois anos depois. Em uma campanha regular, alcançou o acesso e, no último minuto do último jogo, o título.
 
O Zebu disputou a Terceirona pela primeira vez em sua história em 2014 (chamada oficialmente de Segunda Divisão, a competição é, na prática, a terceira divisão, porque a primeira tem os módulos 1 e 2). Com bom elenco, o Colorado patinou na reta final do hexagonal e chegou à última rodada já sem chances, apenas para cumprir tabela. Para o ano seguinte, o time foi reformulado e, sem empolgar, mas sem grandes sustos também, conquistou o objetivo.
 
Na primeira fase, foram seis vitórias, um empate e uma derrota. No hexagonal, seis vitórias, dois empates e duas derrotas. Após perder, na abertura do returno do hexagonal, para o lanterna Novo Esporte, em Ipatinga (2 x 1), o USC encaixou três vitórias (contra Valério, em Itabira, 2 a 0; Formiga, no Uberabão, 1 a 0; e Figueirense, em São João del-Rei, 1 x 0), conquistando o acesso faltando uma rodada para o fim do certame. O volante Pixote marcou o gol da “carimbada” na vaga em São João del-Rei.
 
A última rodada teria o clássico Uber-Nal. O dérbi, aliás, foi uma atração da Terceirona. Os rivais voltaram a se encontrar em jogos oficiais depois de nove anos. O Elefante até levou a melhor contra o Zebu (venceu uma e as outras três partidas ficaram empatadas), porém, não conseguiu o acesso. No derradeiro embate, para subir, o Naça tinha que vencer o USC e torcer por tropeço do Formiga. Não aconteceu nem uma coisa, nem outra.
 
Já com o acesso assegurado, o Colorado queria o título. Em um clássico emocionante, o Nacional saiu na frente, com Dalmo. Como o Formiga ia vencendo o Novo Esporte, a vitória parcial do time alvinegro de nada adiantava. No finalzinho, pênalti para o Colorado. Aos 48 minutos, o atacante Rudimar, o artilheiro do time na competição, bateu e fez seu sexto gol. O gol do título. O Uberaba terminou com 20 pontos, mesmo número do Formiga, que ficou em segundo lugar no saldo de gols. O Naça foi o terceiro, com 16 pontos.
 
O título de 2015 teve um gostinho especial por ser em cima do rival. Mas a torcida quer mesmo é ver o USC de novo na elite. O Colorado merece.

Busca 

Parceiros 

boxe cidaderural

anuncie

uberabapopular

boxe facil

boxe uniarte

boxe disk-canecas

Scroll to top