adefu-atletismo-circuitonacional-raissa-07-08-2018
Raissa (c) com a medalha de ouro: novo recorde
 
Mais uma vez os atletas da Adefu (Associação dos Deficientes Físicos de Uberaba) deram um show no Circuito Nacional de Paratletismo. Raissa Machado, Poliana Sousa e José Humberto Rodrigues conquistaram medalhas na 2ª etapa, realizada no último fim de semana (sábado e domingo, dias 4 e 5), em São Paulo-SP.
 
adefu-atletismo-circuitonacional-poliana-07-08-2018
O técnico Higor junto com Poliana e seu ouro
 
Os três foram ao pódio no lançamento de dardo. Raissa ainda quebrou o recorde das Américas – que já era dela. Além do trio, a Adefu foi representada também pelo técnico Higor Fiorine.
 
José Humberto “Batata”, da classe F54, foi prata em disputa que reuniu participantes das classes F54 e F55. Ele atingiu a marca de 24,60m. Também da classe F54, Poliana ganhou o ouro, com 13,98m, em prova F52/F53/F54.
 
adefu-atletismo-circuitonacional-batata-07-08-2018
Batata (e) foi prata
 
Raissa, classe F56, também disputou o lançamento de disco, na prova F56/F57, ficando em terceiro lugar, com 18,84m (não levou medalha por causa da “regra menos um”). E faturou o ouro no dardo, também em prova F56/F57, lançando a 22,59m, recorde das Américas – batendo recorde que já era dela, de 21,58m, alcançado na primeira etapa do Circuito.
 
A medalha teve um gosto especial para Raissa. Além do novo recorde, ela comemora a superação, pois o título veio após uma lesão, em que sofreu com uma inflamação no tendão no ombro direito.
 
“Duas semanas atrás achei que não poderia competir, mas Deus é tão maravilhoso que melhorei, não estou 100%, mas consegui competir com algumas dores e fazer a melhor marca da minha vida”, vibra a atleta, que vem treinando com o time do CPB (Comitê Paralímpico Brasileiro).
 
Os índices obtidos nas etapas do Circuito Nacional contam para convocação para o Parapan de 2019, em Lima, no Peru; e o Mundial, em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, também em 2019. Os paratletas agora retomam os treinamentos, visando as próximas disputas e já vislumbrando a Paralimpíada de 2020, em Tóquio, no Japão.
 
Fotos: acervo pessoal

Parceiros 

anuncie boxe

lsguarato

river

golerefrigerantes

boibao

sorriso

acquatica

zem

burn

itaipava

Scroll to top