O Campeonato Junior de 2019 terá a mesma forma de disputa do ano passado, com duas chaves e turno e returno na primeira fase, com “ponto bônus” nas semifinais para o time que eventualmente vencer os dois turnos. Regulamento foi definido nesta segunda-feira (1), no arbitral realizado na Liga Uberabense de Futebol.
 
A competição terá dez (ou onze) clubes, divididos em duas chaves na primeira fase. No primeiro turno, as equipes se enfrentam dentro de suas chaves, e a melhor de cada lado garante vaga na semifinal. No segundo turno, as chaves cruzam, ou seja, os integrantes da A jogam contra os componentes da B, e novamente o primeiro colocado de cada lado avança às semifinais.
 
Caso o mesmo time vença os dois turnos, entra nas semifinais com um ponto extra, e o segundo classificado da chave será pela melhor campanha no conjunto dos dois turnos. Nas semis, se a equipe com o ponto extra ganhar o jogo de ida, elimina a necessidade da partida de volta. O possível campeão dos dois turnos só tem esse ponto de prêmio na semifinal; caso passe para a final, zera esse bônus.
 
Os confrontos das semifinais serão entre o primeiro da Chave A e o segundo da B, e vice-versa, com a definição de primeiro e segundo pela campanha nos dois turnos. Não há vantagem para quem tiver melhor índice (tirando o caso do ponto extra), ou seja, se der empate na soma dos dois duelos do mata-mata, a decisão vai pros pênaltis, o mesmo acontecendo na final.
 
Participantes
O Nacional ainda não confirmou presença. Se não entrar, o Costa Teles ocupa seu lugar na Chave B. Caso o Naça participe, o CT saberá por sorteio em que chave ficará.

O Junior começa em 11 de maio. Serão permitidos cinco atletas de fora de Uberaba por equipe. Poderão disputar o campeonato, categoria sub-20, jogadores nascidos de 1999 a 2003.
 
Chave A: Vila, Uberaba, Água Compridense, Pinheiros e Arem
Chave B: Nacional (Costa Teles), Fabrício, Leblon, Independente e Bom Retiro

Parceiros 

anuncie boxe

unimed-uberaba

dda

sancelo

alancarlos

Scroll to top