apoia-1a
 
Saiu a tabela da terceira fase do Amadorão. A próxima etapa começa domingo (3). Agora são duas chaves com quatro times cada, classificando-se os dois melhores de cada lado para as semifinais, quando inicia o mata-mata.
 
 
Havia a expectativa de uma possível alteração na pontuação da segunda fase, por conta do W.O cometido pelo Villa Planalto na última rodada (que tirou as últimas chances de classificação do Santa Marta). Em caso de eliminação e anulação dos resultados do VP, a situação da Chave D seria modificada: Bonsucesso e Beira Rio trocariam de lugar e, assim, também mudariam de chave na terceira fase. Mas o tempo urge e o campeonato prossegue.
 
Os artilheiros
Três dividem a artilharia da competição, com oito gols cada: Waltinho, do Corinthians; Juninho, do Parque das Américas; e Rudimar, do Atlético. Os dois primeiros jogaram só a primeira fase, enquanto o atacante do Galo empatou a disputa na rodada passada.
 
Quatro atletas têm seis gols cada: Dieguinho, do Arem; Tindurim, do Atlético; Thiago, da eliminada Água Compridense; e Felipão, do eliminado Independente.
 
A contagem é do REPLAY, conforme as informações fornecidas pelos mesários das partidas a cada rodada.
 
Números
Eis uma síntese dos melhores e piores entre as oito equipes que avançaram à terceira fase. Todas fizeram 14 jogos. A melhor campanha no geral é do Fabrício, que somou 34 pontos até aqui, um a mais que o Atlético.
 
Mais vitórias: Fabrício (11)
Menos vitórias: Barcelona, Beira Rio e Vila Esperança (5)
 
Mais derrotas: Vila Esperança (5)
Menos derrotas: Atlético (1)
 
Mais empates: Beira Rio (7)
Menos empates: Fabrício (1)
 
Melhor ataque: Atlético (26)
Pior ataque: Barcelona (14)
 
Melhor defesa: Atlético (8)
Pior defesa: Vila Esperança (25)

Parceiros 

anuncie boxe

itaipava

unimed-uberaba

tremendao nova

dda

alancarlos

sancelo

river

golerefrigerantes

santaterezinha

fogaodaroca

dr-com

corintiano

Scroll to top