4a-nac-pirapora-16-09-2023
Ufa: Naça enfim vence a primeira
 
O Nacional enfim conquistou a primeira vitória na Terceirona do Mineiro. Pela quarta rodada do Grupo D, o time venceu o lanterna Pirapora por 1 x 0, na tarde deste sábado, no Uberabão, na estreia do técnico Rafinha Borges.
 
Com três jogos, o Alvinegro da Rodovia continua em 4º lugar, porém, agora com 4 pontos, mais perto do G-2. O adversário, por sua vez, único com quatro partidas feitas na chave, amarga a quarta derrota e segue sem ter anotado sequer um golzinho.
 
O jogo
O Naça entrou com novidades, com as estreias de Talala na lateral direita, Negrada na zaga e Paneguini no ataque. A equipe foi melhor no primeiro tempo, mas não marcou. Teve chances. Esbarrou no goleiro Armindo.
 
Na segunda etapa, em lance de bola parada, saiu o gol do desafogo. Logo aos 3 minutos, Dodô cobrou escanteio pela direita e Arthur cabeceou pra baixo no meio do bolo.
 
Pouco depois, o lateral-esquerdo Douglas, do Pirapora, cometeu falta, recebeu o segundo amarelo e foi expulso. Por ironia, com um a mais, o Elefante desacelerou e ainda levou sustos dos visitantes. O anfitrião ainda tentou criar no ataque e até chegou a fazer o segundo, mas o gol foi invalidado por impedimento. E ficou nisso.
 
No outro jogo do Grupo D, Araxá e Mamoré empataram por 1 x 1 e seguem dividindo o G-2. Classificação: os líderes com 7 pontos cada, Paracatu e Nacional com 4 (o quadro uberabense atrás no saldo), e Pirapora com zero.
 
Na quinta rodada, a equipe de JK vai a Patos enfrentar o Mamoré, na noite do dia 25, segunda-feira. Confira aqui a tabela detalhada.
 
Rafinha no comando
Depois da derrota de 4 x 1 contra o Araxá, o Nacional desligou Eduardo Luersen do cargo de técnico, deixando ele por conta da reformulação das categorias de base – que era a função para a qual ele foi inicialmente contratado.
 
O então auxiliar Rafinha Borges ficou como interino e posteriormente foi efetivado como novo comandante alvinegro. Ex-atleta do Naça, capitão no ano passado, treinador campeão com os meninos do Pré-Mirim, Rafinha prometeu uma postura diferente do time, com muita entrega dos jogadores. Mas não é que na primeira partida já teve torcedor cornetando?

Parceiros 

anuncie boxe-ok
 
wruniformes
 
tremendao-ok
 
imperialbrindes-ok

sancelo
 
golé-ok
 
perfetto

corintiano
Scroll to top