julgamento-medina-08-05-2019
Medina: "Foi feita justiça"
 
Punição ao Democrata de Governador Valadares livrou o Uberaba Sport Club do rebaixamento no Mineiro Módulo II. Em julgamento na noite desta terça-feira (7), o time alvinegro perdeu três pontos por escalação de jogador irregular. Com a decisão, o USC safa-se do decesso para a Terceirona. Informação foi dada em primeira mão pelo Facebook do REPLAY logo após o veredito.
 
Na tabela, a Pantera, que tinha 14 pontos, fica com 11, indo pra zona do descenso no lugar do Zebu, que, com 12, escapa da degola. Ainda cabe recurso no STJD da CBF.
 
A equipe de Valadares escalou um homônimo (xará) em jogo contra o Athletic, ou seja, um atleta atuou com número de inscrição de outro. Por 6 votos a 1, o TJD determinou como pena a perda de 3 pontos (em campo, o time havia sido derrotado, do contrário, poderia perder também os pontos do empate ou vitória).
 
Ainda durante o Módulo II, o Democrata tinha sido julgado e absolvido. Entretanto, a própria Promotoria da FMF pediu a reabertura do processo. Como parte interessada, o Uberaba pediu para entrar no processo, sendo aceito, representado pelo advogado Henrique Saliba, que defende o América-BH.
 
O presidente do grupo gestor do USC, Luiz Alberto Medina, comemorou o resultado. “Era nosso direito e claro que iríamos brigar. Erramos dentro de campo, mas na parte fora de campo, em relação a salários, estrutura, viagem, fizemos tudo certinho, enquanto em muitos times foi uma ‘bagunça’, situações que estão aparecendo. Foi feita justiça”, declarou, em entrevista ao REPLAY.
 
No mês que vem acontece a eleição da nova diretoria do Colorado. Medina, presidente da Funel (Fundação Municipal de Esporte e Lazer), espera que a parceria com o clube seja mantida. “Queremos continuar o trabalho na base, com nossos funcionários, e, no profissional, vamos ver quem assume, mas a Funel quer ser parceira, ajudar o clube”.

Parceiros 

anuncie boxe

itaipava

unimed-uberaba

tremendao nova

dda

alancarlos

sancelo

river

golerefrigerantes

santaterezinha

fogaodaroca

dr-com

corintiano

Scroll to top